quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Vlog: Desfile Alessandra Oliveira



Olá pessoas!

Hoje eu vim compartilhar uma experiência muito legal que passei recentemente, o desfile para a Alessandra Oliveira.A jovem estilista (olha eu me achando também muito A velha) desenvolveu uma linha de roupas alternativas com influência nos estilo pin-up e também na estética de filmes clássicos de terror.

Em uma das minhas andanças pelo facebook, me deparei com o post de uma menina que precisava de modelos do ABC, então eu resolvi me prontificar. Me animei quando soube o estilo das peças que ela estava produzindo, e logo depois de acertar a data eu fiquei mirabolando que faria um vlog aqui pro blog, então o que eu consegui fazer, está ai:



Pois como vocês puderam constatar, não foi muito, mas o que vale é a intenção e a aprendizagem que eu levei - melhorar a minha postura URGENTEMENTE!

Foto: ?

Foto: Marcos Multi

Foto: ?

Foto: Marcos Multi

Enfim , espero que vocês tenham gostado e se divertido um pouco comigo.

Até a próxima e.. tchau!

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Resenha Batom Latika nº42


Olá pessoas,

eu demoro, mas volto! Hehe, e hoje eu venho compartilhar a minha experiência com mais um batom, esse da Latika no número 42.

Esse batom é liquido super pigmentado, uniforme e seca matte, porém a cor não é opaca, pelo contrário existem uns brilhinhos que refletem sim a luz, como vocês podem notar na foto à seguir:


O acabamento deste batom é muito confortável, pois ele se move junto com o lábio por não formar uma película rígida nos lábios. Isso ajuda na duração maravilhosa desse batom, passei ele no começo do dia, só precisei retocar quando comi uma comida com mais óleo, e só! 

O batom não transfere nada -posso beijar meu noivo de boas- mesmo com o batom mais maleável.


Resultado final, eu amei!

Ele é bem parecido com o Dark Rock (em bala) da Vult, só que com maior durabilidade e menor transferência (ah, o brilho deste também é um pouco mais evidente).

Eu paguei R$20,00, e achei ótimo valeu cada dinheiro gasto. Espero que tenham gostado da resenha.

Até a próxima e...tchau!

domingo, 12 de fevereiro de 2017

Tutorial: Romantic Goth


Olá pessoas,

hoje eu vim trazer um conteúdo que fazia tempo que eu não produzia. Um vídeo! E toda vez que eu faço um vídeo assim eu me lembro o quão trabalhoso é.. Mas eu gosto né, então eu faço, hehe.

Esse look em específico eu fiz à pedido da Ariel que foi ao ar como parte do look do meu Projeto Faces Góticas, mais especificamente a face Romantic, acesse aqui.


No look o côncavo estava ligeiramente mais escuro, mas isso foi porque eu apliquei mais lápis preto no côncavo do que da vez que eu fiz pra esse tutorial, mas o processo e passo-a-passo foi esse.

Espero muito que vocês gostem, e aos poucos eu vou montando aqui uns vídeos aqui pra vocês.

Até a próxima e ... tchau!

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Projeto faces: Trad Goth


Olá pessoas!

Hoje é dia de ser tradicional, quase uma primeira dama da trevosidade. Hahaha...

Esse estilo da subcultura que está mais atrelado à origem da mesma, e por isso eu me limitei na gama de cores, até porque na época a indústria de beleza não era tão evoluída como atualmente.

Como inspiração definitivamente eu tenho ir com o óbvio, mas a Senhorita Siouxsie Sioux é um clássico já, e eu vou colocar uma das minhas músicas favoritas dela pra dançar e responsável por levantar o meu humor, mesmo em dias mais caidinhos: "Cities in dust"



Devo admitir que essa foi a face que mais exigiu das minhas habilidades de desenho... Hahaha




Na beleza o cabelo recebe um pouco de tease (pentear o cabelo da ponta pra raíz), o único "truque" é eu fiz um rabinho e deixei só metade do meu cabelo como extensão solta pra esse penteado, só não prendi a frente do cabelo porque eu deixei como franja do lado do meu rosto.

Na maquiagem eu fiz lábios vinhos com um contorno preto. Nos olhos eu precisei principalmente de paciência e tentei apagar a parte final da minha sobrancelha pra desenha-la reta (à la Spok) e na sombra é um elemento bem gráfico, difícil de descrever, mas vocês viram como é né?





A roupa é bastante simples, eu apenas usei muitos acessórios tipo o stak de 3 colares e as luvas de meia arrastão com uma pulseira de couro por cima. O cinto também ajuda a dar mais detalhes à roupa.

E esse é o resultado que eu cheguei espero que vocês tenham curtido tanto quanto eu gostei. :)

Beijos e até a próxima!

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Tô velha, tô chata

Olá pessoas,

Sabe quando você do nada se sente mais velha(o)? Isso aconteceu comigo porque eu percebi que com o passar dos anos eu fui ficando muito mais criteriosa do que eu costumava ser...

Então, eu estou passada já do meu quarto de século em idade e eu tenho notado mais e mais que eu não me importo em como as pessoas julgam a minha aparência, e que eu tenho tido muito mais preocupação com ser verdadeira comigo e ciente das coisas que me representam e me fazem bem.

Ou seja isso significa que eu tenho prestado mais atenção àquilo que eu consumo e uso, passando pela seguinte lista:

- Roupas
Estou tentando apoiar marcas menores e que não trabalham com condições de dignidade com seus empregados. Por isso eu quero cada vez mais consumir as marcas alternativas brasileiras, ainda que sejam (de certa forma) cara e disponíveis apenas online, exemplo: Black Frost, Dark Fashion, Queen of Bones....

- Cuidados de pele e cabelo
Esse é um tópico que eu precisei aprender muito, porque eu nunca lia os ingredientes da embalagem. e hoje eu sou a loca que passa por vários produtos e fico falando "não"..."não"... "você ok"....
Isso porque eu não estou mais comprando produtos que contenham petrolatos. Não vou me estender no porque, simplesmente a indústria cosmética usa porque é barato, dá a sensação errônea de hidratação, mas na verdade tá fechando e entupindo os seus poros. Ao invés disso eu uso produtos que contenham elementos emolientes de verdade, exemplo: glicerina e phantheol.

- Beber água
Essa é uma coisa básica que a gente não dá atenção né? Eu tô prestando mais atenção pra tomar todo dia os meus 6 copos de água (que foi a quantidade que eu me prometi que tomaria todos os dias na minha meta do ano de 2017). Para isso eu montei um bullet jornal pra me ajudar a rastrear os meus mais novos hábitos saudáveis.

- Qualidade > Quantidade
Não quero ter um guarda-roupas lindo e gigante cheio de peças alternativas muito tr00. Não, eu quero um espaço que contenha as peças de roupa que me representem, me deixe confortável e que seja organizado pra eu saber tudo aquilo que tenho para usar, e se alguma coisa ficar velha, comprar porque eu preciso, e não só porque eu quero.

Ou seja, fiquei velha e criteriosa, mas acredito que isso demonstre uma maturidade minha.
Você já parou pra pensar naquilo que está te fazendo mal, e naquilo que pode te fazer bem?

Até a próxima e.... tchau!